transgênico

/Marcador:transgênico

12 principais dúvidas sobre transgênicos

Confira nessa seleção de perguntas mais frequentes se sua dúvida sobre os organismos geneticamente modificados está respondida.

19/07/2017|Categorias: Apresentações|Marcadores: , , |

Brasileiros desenvolvem alga transgênica

Objetivo é combater a proliferação do mosquito da dengue

01/03/2017|Categorias: Notícias|Marcadores: , , |

Como é garantida a segurança dos transgênicos para a alimentação no mundo?

Os transgênicos disponíveis no mercado são submetidos a análises toxicológicas, alergênicas, nutricionais, agronômicas e ambientais feitas por uma comissão de especialistas em biossegurança. Só quando não há evidências científicas de malefícios à saúde humana, animal e ao meio ambiente é que eles são aprovados para cultivo comercial e consumo.

21/10/2016|Marcadores: , , |

O que é um evento de transformação genética vegetal?

Para obter uma planta transgênica com determinada característica de interesse, é preciso produzir centenas ou milhares de exemplares. Cada um deles é um “evento de transformação genética” e vem de uma única célula vegetal, na qual houve inserção do gene desejado. A partir do evento selecionado, é feita a multiplicação, de forma a gerar descendentes.

21/10/2016|Marcadores: , , |

Quando foram feitos os primeiros testes em campo com plantas transgênicas?

Em 1986, nos EUA e na França. Desde então, já foram feitos mais de 30 mil experimentos em campo no mundo, sobretudo nos EUA e no Canadá. Países da Europa e da América Latina (Argentina e México) também têm participado desse processo. O Brasil iniciou suas atividades em 1997 e, desde 2005, a CTNBio já autorizou mais de 900 testes com transgênicos.

21/10/2016|Marcadores: , , |

Quais são as variedades transgênicas de plantas já aprovadas no Brasil?

Até maio de 2016, estavam aprovadas no país variedades transgênicas de soja, milho, algodão, feijão e eucalipto. Além de plantas*, o governo já autorizou o uso de componentes geneticamente modificados em vacinas, microrganismos (leveduras e microalgas) e no mosquito Aedes aegypti, transmissor de doenças como dengue, zika vírus e febre chikungunya.

21/10/2016|Marcadores: , , |