Renomados cientistas do mundo inteiro, dentre eles Klaus Ammann, da Universidade de Berna (Suíça), e Walter Heldt, da Universidade de Göettingen (Alemanha), divulgaram um manifesto explicando a importância da biotecnologia na produção de alimentos. A iniciativa ocorreu no Encontro Internacional de Academia de Ciências, em Berlim, na Alemanha, conforme notícia publicada no site Die Welt. No texto, os pesquisadores declararam que os “alimentos geneticamente modificados são, no mínimo, tão seguros quanto os outros e não oferecem riscos ao meio ambiente”.

O documento, denominado Painel Interacadêmico, será submetido para ratificação de instituições científicas dos cinco continentes e deverá ser apresentado ao público em dezembro. Participaram da reunião cientistas da Alemanha, China, África do Sul, Índia, França, Egito, Suíça e Estados Unidos.

Fonte: Die Welt – Junho 2006