Novas pesquisas científicas estão aumentando as possibilidades de produção de antígenos para a Hepatite B, tornando o acesso viável em países em desenvolvimento. O Centro de Pesquisas Atômicas Bhabha e Shantha Biotécnica Limitada, da Índia, divulgou o estudo “Expressão do antígeno de superfície da Hepatite B em raízes Hairy de batata”, na revista Science Plant, que comprova a tendência.

No trabalho, os pesquisadores usaram a Agrobacterium para introduzir um gene de superfície (HBsAg) da Hepatite B para o bahar, um cultivar de batata indiano. Após a indução do crescimento raiz Hairy, os cientistas verificaram a presença do transgene e de seu produto. Os cientistas notaram também que o gene HBsAg foi expresso nos microtúbulos e nas raízes da planta.

Cerca de 2 bilhões de pessoas estão infectadas com o vírus da Hepatite B, em todo o mundo.

Fonte: Agrifood Awareness – Maio de 2006