A variedade, terceiro evento de milho aprovado em 2011, é tolerante a herbicidas.

O Ministério da Agricultura da Argentina autorizou, no dia 1º de dezembro, o plantio, o consumo e a comercialização de mais um milho geneticamente modificado (GM). A nova variedade da planta, ainda não aprovada no Brasil, é tolerante a herbicidas e vai ser mais uma tecnologia disponível para os agricultores do país vizinho.

Na Argentina, até hoje, estão aprovados 22 eventos agronômicos geneticamente modificados. 3 de soja, 3 de algodão e 16 de milho. Desses, 5 foram aprovados em 2011, 2 de soja e 3 de milho.

De acordo com o Serviço Internacional para Aquisição de Aplicações Biotecnológicas Agrícolas (ISAAA), a Argentina é o terceiro país que mais planta transgênicos no mundo, com 22,9 milhões de hectares cultivados em 2010, atrás de Estados Unidos (66,8 milhões de hectares) e Brasil (25,4 milhões de hectares).

Fonte: Argenbio – 12 de dezembro de 2011