A Corporação de Pesquisa e Desenvolvimento de Grãos (GRDC) está auxiliando um projeto para desenvolver novas variedades de trigo para melhorar a saúde humana e reduzir a incidência de diabetes e obesidade.

O trigo com elevado nível de amilase contém uma alta quantidade de amido -acima dos 50%, número bem maior comparado aos 20 ou 30% presentes nas variedades de trigo atuais. Este novo trigo também possui altos níveis de amido mais resistentes e um menor índice de glycaemic em comparação às variedades atuais.

Quando combinado a produtos assados e massas, essas propriedades o tornam extremamente efetivo para combater problemas de obesidade, diabetes tipo 11 e câncer colo-retal.

“Sem dúvida nós vemos a oportunidade da indústria prover melhores grãos aos agricultores australianos, que produzirão para os nossos mercados” disse o presidente da GRDC, Terry Enright.

Enright afirmou que as prioridades nacionais de pesquisa estabelecidas pelo governo australiano incluem a promoção e a continuação da boa saúde, a melhora da competitividade da indústria e o desenvolvimento de “tecnologias de fronteira”.

“A ciência envolve tecnologia de ponta. A participação da Limagrain oferece os sinais e a perícia para desenvolver produtos para o mercado” explica.

“O laudo de inspeção da GRDC nos mostra que os agricultores estão muito interessados em novos produtos e variedades que irão aumentar as suas oportunidades para auxiliar na competitividade em mercados tradicionais e em novos segmentos de mercado” conclui.

Fonte: Seed Quest / 8 de novembro de 2006