Cientistas da Universidade de Tecnologia de Queensland vão testar bananas do tipo Cavendish com genes para o aumento dos níveis de provitamina A na fruta. A tecnologia, então, será usada para melhorar variedades de banana em Uganda, país onde as deficiências de vitaminas e minerais representam um grande problema para a população.

Segundo o professor James Dale, os ensaios de campo são um passo importante para o projeto. “Será o primeiro campo experimental de bananas geneticamente modificadas da Austrália e também um dos primeiros do mundo”, afirmou o cientista.

De acordo com Dale, este é um grande passo para os pesquisadores, que poderão observar toda a gênese da planta, desde a primeira célula transformada até a planta no próprio campo.

FONTE: ABC Rural – 6 de fevereiro de 2008