Pesquisa recente realizada entre agricultores australianos mostrou que 21% deles já adotou ou está pensando em adotar plantações GMs, nem tanto pelo lucro, mas pelos benefícios de maior produtividade (64%). Em torno de 60% dos agricultores citaram o efetivo controle de insetos e pragas como um dos benefícios em potencial.

O levantamento mostra ainda que 62% dos agricultores da Austrália apóiam a produção de plantas geneticamente modificadas com regulamento de aprovação e 62% aceitam testes de campo com variedades GMs.

A pesquisa foi conduzida pelo Market Attitude Research Services, no período de maio a junho deste ano, e envolveu contato com 500 agricultores de todos os lugares da Austrália. O grupo pesquisado produz legumes, sementes oleaginosas, hortaliças, cereais e frutas.

Leia também a notícia completa, em inglês.