Por alguns anos, o professor Richard Meagher, da Universidade da Geórgia, tem feito pesquisas com a engenharia genética em plantas. Agora, ele está testando um álamo GM que absorve mercúrio em suas raízes. A árvore solta vagarosamente o mercúrio no ar através de suas folhas. A idéia é que o álamo aja como um despoluente, retirando o metal do solo contaminado.

O mercúrio é um metal altamente venenoso e em geral provém de resíduos industriais. É particularmente prejudicial ao desenvolvimento infantil. O álamo é encontrado em diferentes partes do mundo. É do tipo que cresce rapidamente e necessita de muita água.

O teste de Meagher foi feito em Danforth, Connecticut, onde o solo é poluído com mercúrio porque um dia na região funcionava uma fábrica. O cientista plantou 160 árvores para remover a poluição. O álamo está ente as plantas mais estudadas para a função de despoluente de solos.