Falando a uma platéia de laureados com o Nobel e outros pesquisadores de todo o mundo em um fórum internacional na Austrália, Florence Wambugu defendeu ardorosamente a adoção de alimentos GMs na África.

Nascida no Quênia, ela contou que, juntamente com seus pais e outros nove irmãos, passou por muitas dificuldades na infância, tendo inclusive que se alimentar de batata doce.

Com o tempo, graças à venda da única vaca da família, Florence fez o ensino médio e formou-se na Universidade de Nairobi. Estudou também nos EUA e na Inglaterra e obteve o doutorado.

Hoje, ela é diretora da Harvest Biotech Foundation International, no Quênia, entidade dedicada a utilizar plantações GMs para o aumento da produtividade.

Confira também a matéria em inglês.