Pesquisadores da Universidade de Queensland, na Austrália, estão desenvolvendo uma variedade de arroz resistente à seca para agricultores da Tailândia, Laos e Cambodja.

O objetivo é identificar as características fisiológicas da variedade de arroz da região de Mekong, na Ásia, que tem tolerância a períodos de seca. A universidade já recebeu US$ 1 milhão para as pesquisas.

Conforme o professor Shu Fukai, da universidade, os três países não têm irrigação suficiente para as plantações e, assim, 70% das áreas cultivadas ficam dependentes apenas da chuva. Segundo ele, o arroz é o alimento mais importante do mundo e cerca de 2 bilhões de pessoas o incluem em sua alimentação diária.

Clique aqui para ler a matéria completa.