Os alimentos geneticamente modificados têm uma presença maciça no mundo. São hoje 25 milhões de hectares plantados. E mais: representam 60% de todo o alimento processado nos EUA e chegam a 7 mil produtos nos supermercados da Inglaterra, incluindo comida para bebês, chocolate e pão.
E, nesse quadro, a China vem se mantendo na posição logo após os EUA, com 650 mil hectares. Além disso, o consumo de alimentos GM importados pelos chineses explodiu. Em 2003, a China importou US$ 4 bilhões de soja GM, o que representou um crescimento de 100% em relação a 2002. Recentemente, seis produtos chaves no consumo doméstico, incluindo soja e arroz, foram aprovados para consumo e estão à venda nos supermercados.

Fonte: China Messenger