Uma nova publicação sobre benefícios e custos da produção de transgênicos, intitulada Economic and environmental benefits and costs of transgenic crops: Ex-Ante assessment, destaca os impactos econômicos dos transgênicos na Índia e em Bangladesh. A publicação é compilada pela Universidade Agrícola de Tamil e apoiada pelo Projeto de Apoio à Biotecnologia Agrícola da Agência Norte-Americana para o Desenvolvimento Internacional (United States Agency for International Development, USAID).

Na Índia são destacados os cultivos transgênicos de berinjela resistentes a insetos (Bt), arroz tolerante à seca e à salinidade (DST), batata resistente à requeima (LBR) e amendoim e girassol resistentes ao streak vírus (TSVR). Em Bangladesh, os destaques são os cultivos de berinjela resistentes a insetos (Bt), batata resistente à requeima (LBR), grão-de-bico resistente à broca-da-vagem (PBR) e arroz DST.

A projeção dos benefícios econômicos e ambientais baseada na avaliação é significativa para todos os produtos em desenvolvimento em ambos os países. Os maiores benefícios são projetados para o arroz DST: mais de 3 bilhões de dólares para a Índia e para mais de 100 milhões de dólares para Bangladesh.

A projeção dos impactos das culturas transgênicas na Índia e Bangladesh é para 15 anos.

FONTE:
http://www.isaaa.org/kc/cropbiotechupdate/online/default.asp?Date=2/29/2008
29 de fevereiro de 2008