A RIRDC (do inglês Australia´s Rural Industries Research and Development Corporation) publicou recentemente um estudo socioeconômico para predizer e calcular as perdas e ganhos que podem ser obtidos com as plantas GM. De acordo com o documento, a Austrália e o mundo provavelmente terão benefícios financeiros decorrentes da larga adoção de cultivos GM.

Os benefícios potenciais globais da adoção do milho, da soja e da canola GM podem ser de US$ 4.0 bilhões anuais, por exemplo. Já a China e a Índia serão fortemente beneficiadas com a adoção do arroz e do trigo geneticamente modificados. O documento também recomenda contínuos estudos e avaliações das vantagens comparativas de cada região da Austrália considerando diversos cultivos que irão continuar sendo modificados, conforme novas variedades GM forem aparecendo. O documento completo está disponível para download no link: http://www.rirdc.gov.au/reports/GLC/05-016sum.html