Conduzido pelos pesquisadores M. Demont e E. Tollens, da Universidade Católica de Leuven (Bélgica), o estudo se restringiu à Espanha por ser a única nação do bloco europeu que permite o cultivo e a comercialização do milho Bt. O país é o terceiro maior produtor de milho da União Européia, responsável por 11% da produção no continente.

Segundo o ISAAA – Serviço Internacional para a Aquisição de Aplicações emAgrobiotecnologia, a Espanha ampliou sua área plantada com milho Bt em 1/3, atingindo 32 mil hectares em 2003, enquanto que em 2002 a área cultivada com o milho GM foi de 25 mil hectares. de área plantada.

Além de reduzir os danos das safras, o relatório aponta que o milho Bt geralucro aos agricultores espanhóis, uma vez que gastam menos com defensivosagrícolas.

Fonte: Faculty of Applied Bioscience and Engineering http://www.agr.kuleuven.ac.be/english/index.aspx