A Índia decidiu criar uma estrutura institucional para promover as pesquisas e aplicações das plantações GMs. Contando com a assistência dos EUA para promovê-las no país, a estrutura vai envolver quatro órgãos indianos diretamente ligados à biotecnologia.

O secretário do Departamento de Biotecnologia, Manju Sharma, expressou sua satisfação após a conclusão de três dias de debates em uma conferência de agricultura biotecnológica: “Todos os esforços das organizações devem convergir para tornar realidade essa estrutura institucional”, disse.

Leia aqui a matéria completa, em inglês.