“Consumimos esses alimentos todos os dias”, diz o geneticista C.Neal Stewart, da Universidade do Tennessee. Atualmente, pelo menos 40 variedades de plantas GM têm permissão de comercialização no país.

E esses alimentos são seguros? A resposta vem de um horticulturista da Universidade de Wisconsin-Madion, que usa a tecnologia, Brent McCown. “Eu acredito que sim porque se trata de uma poderosa ciência”. É tão poderosa, continua, “que nós jamais a pusemos de lado, pois aceitamos que ela veio para ficar”. Autor do estudo Living on a Genetically Modified Planet, McCown diz que a engenharia genética apenas permite que os agricultores façam com maior rapidez o que sempre fizeram: cultivar plantas com as características desejadas.

Leia também a notícia na íntegra, em inglês.