Pesquisadores do Centro de Biotecnologia de Sfax (Tunísia) e do Centro Superior de Investigações Científicas da Cataluña (C.S.I.C.), Espanha identificaram um gene (chamado de dhn-5) que codifica uma proteína da família das dehidrinas, responsáveis pela tolerância à seca e salinidade. Neste estudo eles relataram a clonagem do gene e propuseram o uso dele como marcador molecular para seleção de variedades resistentes ao estresses abióticos de seca e salinidade.

O trabalho foi publicado no Periódico Científico Plant Science.

Fonte:SciencDirect