O congresso mexicano aprovou nova lei para regular as plantações geneticamente modificadas. O dispositivo foi aprovado por 319 votos a 105, com 17 abstenções. Na opinião dos parlamentares favoráveis à nova lei, os OGMs serão agora regulamentados e avaliados adequadamente para evitar quaisquer possíveis riscos à saúde humana e ao meio ambiente.