O General Accounting Office do governo norte-americano divulgou documento concluindo que os alimentos produzidos por meio da biotecnologia são tão seguros quanto os convencionais. O documento – intitulado Genetically Modified Foods: Experts View Regimen of Safety Tests as Adequate, but FDA’s Evaluation Process Could Be Enhanced – afirma que não há evidência científica de que haja riscos para a saúde dos consumidores.

Alimentos, diz o órgão, envolvem três riscos à saúde humana: eles podem potencialmente conter alergênicos, toxinas ou anti-nutrientes. Mas tais riscos, enfatiza o documento, não são únicos dos GMs. As pessoas têm consumido alimentos contendo esses três elementos através da história.

A sugestão do órgão é, então, que se desenvolva o processo iniciado pela US Food and Drug Administration (FDA) para avaliar os novos alimentos biotecnológicos.

Clique aqui para ler a matéria completa, em inglês.