Os consumidores chineses ainda têm pouca informação sobre alimentos GMs, mas, em sua maioria, têm atitude positiva em relação ao seu consumo. A informação advém de pesquisa conduzida pela Universidade Estadual de Washington.

Os consultados responderam positivamente em relação à adoção de alimentos como o arroz e o óleo de soja GMs. A manifestação a favor dos alimentos geneticamente modificados aumentou a boa vontade de pagar pelos dois produtos.

A conclusão dos pesquisadores é que o mercado dos alimentos GMs na China tem uma perspectiva otimista, pois os jovens estão mais dispostos a adquirir produtos geneticamente modificados com certos atributos, o que permite prever que, no futuro, o mercado local estará ainda mais aberto à biotecnologia.

Leia também a notícia original, em inglês.