De acordo com o presidente do Comitê de Agricultura no Parlamento Europeu, Neil Parish, durante uma conferência sobre cultivos geneticamente modificados, a agricultura européia deve incentivar o cultivo de organismos transgênicos, com o intuito de priorizar o preço dos alimentos e as questões de segurança alimentar.

“Um dos problemas que a Europa enfrenta é sua morosidade em relação aos cultivos GM”, afirmou Parish. Segundo ele, haverá aumento nos preços das rações e dos alimentos, caso a União Européia não aproveite a nova fonte. “Existe um mercado crescente para os agricultores, e o nosso trabalho é dar condições para que eles sejam bem-sucedidos”.

FONTE: Farmers Guardian – 4 de janeiro de 2008