O desenvolvimento da indústria da biotecnologia foi citado pelo primeiro-ministro da Malásia, Datuk Seri Abdullah Ahmad Badawi, como uma das bases necessárias para uma “revolução” na agricultura local. Segundo o ministro, essa revolução trará benefícios tangíveis aos agricultores locais, ao mesmo tempo em que poderá tornar o país um centro de agricultura e indústria biotecnológicas. A meta, disse Badawi, é tornar o país um exportador de alimentos por volta de 2010.