Em julho deste ano, será lançada na Universidade da Califórnia uma iniciativa reunindo 20 universidades e grupos filantrópicos. Denominado Pipra (Property Resource for Agriculture), o projeto tem o objetivo de orientar agricultores e países em desenvolvimento quanto a aspectos legais que têm surgido nos últimos anos em torno da adoção da biotecnologia na agricultura. Questões sobre patentes e licenciamento de genes são destaque.