Escrito por Clive James, presidente do Conselho-Diretor do International Service for the Acquisition of Agri-biotech Applications (ISAAA), o documento aponta que, dentre as culturas mais importantes, destacaram-se a soja – cuja produção mundial de transgênicos já é maior que a convencional –, o milho, o algodão e a canola.

De acordo com esse estudo, o cultivo de transgênicos é praticado em todos os continentes e há uma estimativa que aponta entre 5,5 e 6 milhões de agricultores beneficiados pelos GMs em 2002. Nesse mesmo ano, pela primeira vez, mais da metade da população mundial vive em países onde o cultivo de transgênicos foi oficialmente aprovado.

Clique aqui para ler o documento completo em português