Um estudo conduzido na Universidade de Jena (Alemanha) durante quatro anos (2001 a 2004), que examinou os efeitos do pólen de milho Bt em abelhas, não encontrou nenhuma evidência de eventuais efeitos do OGM em populações de abelhas domésticas.

Na primavera de 2007, um novo tipo de morte de abelhas foi diagnosticado nos EUA. O fenômeno, chamado de “distúrbio do colapso da colônia” ou CCD, pode resultar em perdas de até 90% em algumas colméias. Em diversos países europeus, como Alemanha e Suíça, observações similares foram feitas. Os cientistas pesquisaram as possíveis causas do declínio de populações de abelhas e não existe indício da relação deste episódio com os OGMs.

Segundo professor Klaus-Dieter Jany, “não há nenhuma evidência relatada na literatura científica de danos causados por cultivos GM em abelhas. Este é o resultado de numerosas experiências no laboratório ou no campo, em alguns dos quais a exposição a colheitas GM ou seus produtos possíveis em condições naturais é extremamente exagerada”.

FONTE: ISAAA. 1 de junho de 2007