Após dois anos de pesquisas, cientistas do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) estão colhendo trigo geneticamente modificado enriquecido com gluteína – substância essencial para a boa formação da massa de pães durante o processo de cozimento. A novidade poderá ter um grande impacto na indústria de panificação. Isso porque os padeiros precisam de mix variado de farinha para atingir a massa ideal, o que geralmente quebra a cadeia de glúten na massa e resulta em perdas econômicas se a indústria trabalha com margem de lucro pequena. Ao aumentar os níveis de gluteína no trigo, espera-se que a proteína tenha maior tolerância à mistura.

Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA)